logo-playkidsapp
Assine agora com 15% OFF no plano mensal!

Meu filho não quer voltar para a escola. E agora?

por | jan 5, 2022

A maioria das aulas presenciais voltaram, mesmo que na categoria híbrida. Com isso, crianças e adolescentes tiveram que abandonar as aulas à distância e voltar para a escola. No entanto, muitos pais estão passando pelo mesmo problema: boa parte das crianças não quer voltar para a escola.

Após mais de um ano em casa, ao lado dos pais, é natural que a criança sinta-se insegura. Podem ser apresentados, por exemplo, sentimentos de resistência em voltar às aulas presenciais. Para ajudar neste momento que exige atenção e compreensão, listamos algumas formas de ajudar a criança a sentir-se segura e encorajada a voltar para a escola. Acompanhe!

Leia mais:
PlayKids na volta às aulas: desenhos sobre escola
9 desenhos que vão ajudar as crianças na volta às aulas
5 dicas para usar tecnologia em sala de aula

Como ajudar seu filho a voltar para a escola

O momento de voltar para a escola exige uma readaptação. E se engana quem acha que é para as crianças e professores. O processo passa também pelos pais.

Após o período de isolamento e a necessidade de lidar com medos e incertezas, o adulto também deve saber como ajudar seu filho a lidar com a resistência de voltar às aulas presenciais. Veja algumas dicas que podem contribuir.

Identifique os medos da criança

É comum que os pais vejam o momento de voltar para a escola como algo prazeroso. Por exemplo, como a chance da criança poderá se reunir novamente com amigos e professores. Contudo, o pequeno possui outra visão sobre o assunto, principalmente com a necessidade dos cuidados para evitar a Covid-19.

Por isso, é importante que os pais conheçam os medos, ansiedades e inseguranças dos pequenos. Dessa forma, é possível ajudá-los a combater estes sentimentos aos poucos. Para, assim, despertar a vontade da criança voltar para a escola aos poucos.

Passe segurança para o seu filho

Outro importante cuidado que os pais devem ter é passar segurança para a criança. Para isso, é preciso se colocar no lugar dela. Imagine como está sendo a mudança brusca depois de tanto tempo em casa junto com a família.

A criança deve ser incentivada a aproveitar o ambiente da escola, rever os amigos, brincar e realizar atividades. Além disso, passar segurança para a criança em relação à sua volta às aulas é fundamental para mantê-lo tranquilo e otimista sobre essa mudança.

Não exija demais

A escola normalmente é um ambiente de cobranças. Por isso, durante seu período de readaptação, a criança pode passar por momentos de estresse. É importante evitar essas cobranças também em casa enquanto o pequeno se acostuma a voltar para a escola.

Os pais não podem esperar que essa readaptação aconteça rapidamente. Por isso, cobrar notas, atividades ou comparar o aprendizado com outros colegas em um primeiro momento pode resultar em reações inesperadas, prejudicando a criança no lugar de ajudá-la.

Escute o que a criança tem a dizer

É muito importante escutar o que a criança tem a dizer em relação aos seus sentimentos. Em alguns casos, o assunto escola pode causar tristeza, ansiedade e até mesmo choro. Portanto, os pais devem entender o que a criança está sentindo, para poder acolhê-la e ajudá-la.

Estabeleça uma rotina

Junto com a criança, estabeleça uma nova rotina ao voltar para a escola. É importante que ela tenha novamente horário específico para fazer a lição de casa, revisar o conteúdo ensinado e estudar.

Com isso feito, explique que a criança poderá brincar e se divertir. A rotina é importante para que os momentos de diversão sejam vistos como resultados das obrigações que foram cumpridas corretamente.

Monte um ambiente de estudo

Além da rotina, a criança deve ter um ambiente específico para realizar suas tarefas sem distrações. Nada de estudar ou fazer lição na cama ou no sofá enquanto vê TV. Os pais devem reservar um espaço iluminado e silencioso para ajudar a criança a não ter momentos de distração.

Ajude no que for necessário

Com a volta às aulas, dúvidas e inseguranças podem surgir também em relação às aulas. Por isso, os pais devem estar disponíveis para ajudar com o que for necessário, tirando dúvidas, acalmando e até mesmo encorajando se for preciso.

Dê leveza para a palavra estudar

Muitas vezes a palavra “estudar” está relacionada a um hábito cansativo. Assim, é importante que a criança consiga associar essa palavra com coisas prazerosas durante sua readaptação. Alguns outros termos que podem ser usados são palavras como aprender, praticar, memorizar, conhecer, entre outras. Essa é uma maneira de melhorar o sentimento da criança em relação aos estudos.

Compartilhe suas experiências

A criança também pode gostar de acompanhar as experiências positivas que os pais tiveram na escola ao longo do tempo. Contar como a escola foi importante, sobre professores e colegas que marcaram a vida pode ser uma boa forma de ajudar a criança a sentir vontade de voltar para a escola.

Peça ajuda a um especialista quando for necessário

Por fim, pode ser necessário lidar com a resistência da criança com a ajuda de um profissional. É importante respeitar o limite do pequeno, não insistir a ponto de deixar a criança mais ansiosa e insegura, poupando-a de um sofrimento desnecessário.

Para isso, procurar especialistas como psicólogos infantis é uma boa forma de encontrar respostas no que está bloqueando a criança de voltar para a escola. Para ajudar no retorno às aulas, o profissional pode orientar os pais na identificação dos motivos, conduzindo-os na melhor maneira de lidar com medos e inseguranças, sem que a criança sofra.

Você pôde acompanhar na leitura de hoje a importância de saber como lidar com a resistência das crianças no momento de voltar para a escola. Caso as dicas acima não sejam suficientes para que o retorno seja tranquilo, respeite os limites da criança e busque ajuda profissional.

No Blog PlayKids, você encontra tudo o que precisa saber sobre tecnologia, educação, parentalidade e desenvolvimento infantil, além dos lançamentos e novidades do PlayKids App. Assine a nossa newsletter e não perca nenhum conteúdo!

Categoria:
Crianças
Escrito por Equipe do Blog PlayKids

Escrito por Equipe do Blog PlayKids

A equipe do Blog PlayKids é formada por especialistas em desenvolvimento infantil, educação e tecnologia, parentalidade e educação.
2 e-books para aproveitar as férias com as crianças. Baixe agora.

Nossas Redes Sociais

PlayKids News

Mais lidas

Conheça o PlayKids

O que é PlayKids App?
Qual a importância dos aplicativos educacionais?
Você sabe como funciona o PlayKids?
Saiba como assinar PlayKids
Assine agora com 15% OFF no plano mensal!

1 Comentário

  1. Maires

    Esse artigo é muito bom e realmente os pais passam por isso, mas isso também pode acontecer simplesmente porque o filho odeia a escola, como o filho pode ter um ponto de vista diferente da escola? Ajudar o filho a ter esse ponto de vista também é importante: https://www.jw.org/finder?wtlocale=T&docid=502012517&srcid=share

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × dois =

Mais Posts
O desafio da defasagem escolar

O desafio da defasagem escolar

O desafio da defasagem escolar é uma questão importante a ser debatida. Seja entre educadores, líderes escolares e também pelos pais. Durante a pandemia, as escolas fecharam, os alunos tiveram contato com outro método de aprendizagem e todas essas mudanças podem...

Ei, quer receber nossas
novidades toda semana?

E-mail cadastrado com sucesso!

Pin It on Pinterest